Notice (8): Undefined property: stdClass::$id [ROOT/lib/Googl.php, line 69]
Warning (2): fopen() [function.fopen]: open_basedir restriction in effect. File(/var/www/vhosts/promoview.com.br/novo.promoview.com.br/app/webroot/cache/mundo/budweiser-vai-produzir-cerveja-no-espaco) is not within the allowed path(s): (/var/www/vhosts/promoview.com.br/:/tmp/) [APP/Controller/NoticiaController.php, line 106]
Warning (2): fopen(/var/www/vhosts/promoview.com.br/novo.promoview.com.br/app/webroot/cache/mundo/budweiser-vai-produzir-cerveja-no-espaco) [function.fopen]: failed to open stream: Operation not permitted [APP/Controller/NoticiaController.php, line 106]
Warning (2): fputs() expects parameter 1 to be resource, boolean given [APP/Controller/NoticiaController.php, line 107]
Warning (2): fclose() expects parameter 1 to be resource, boolean given [APP/Controller/NoticiaController.php, line 108]
Budweiser vai produzir cerveja no espaço?

A companhia revelou que começará a conduzir testes em dezembro, a fim de criar um método de fabricação de sua cerveja em condições que simulam as marcianas.

Budweiser vai produzir cerveja no espaço?

24/11/2017

A humanidade ainda nem conseguiu colocar os pés em Marte, e já tem empresa querendo se firmar comercialmente no Planeta Vermelho. Ainda que atualmente o único morador marciano seja o robô Curiosity, da NASA, a Budweiser já está de olho nas décadas futuras da exploração espacial, e pretende se tornar a primeira cervejaria a produzir a bebida em Marte.

A companhia revelou que começará a conduzir testes em dezembro, a fim de criar um método de fabricação de sua cerveja em condições que simulam as marcianas. A empresa trabalhará em parceria com a Estação Espacial Internacional para criar uma "fermentação de microgravidade".

Os equipamentos e ingredientes necessários para esses testes serão transportados pela SpaceX no dia 4 de dezembro, contendo vinte sementes de cevada e outros produtos que servem para produzir a Budweiser como a conhecemos aqui na Terra.

A bordo da ISS, a empresa realizará dois experimentos-chave para o sucesso de seu ambicioso projeto. Um deles será a exposição das sementes ao ambiente da estação espacial por 30 dias, com o objetivo de ver como elas reagem no espaço. O outro experimento será a germinação dessas sementes após o período de exposição, sendo que, nesse estágio, as sementes serão aquecidas e alimentadas por duas semanas, e somente então a equipe descobrirá se elas crescerão a uma taxa similar à da Terra.


Fonte:: Redação